segunda-feira, 28 de março de 2016

Hoje me deu tanta emocão de ser brasileira,
se pudesse pintava a bandeira de vermelho.

quinta-feira, 25 de julho de 2013

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Águas Claras



No Principio havia água
O berço do mundo
A água mãe da vida.
mãe d'agua
Abençoai todos seus filhos de fé
Águas Claras, Límpidas
Lavai nossos pensamentos
Lavai nossos pensamentos no manar dos nossos corações
Água Viva buscai-nos nas águas
Curai seus filhos nas águas
Cachoeirai Mulheres,Cachueirai
Lavai nossa Alma com água do vento
Chuva de amor para todos os filhos do Pai de Guará
Chuva de amor Senhor Deus da Amazônia
Chuva de Amor no nosso caminhar.

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Há em mim um pedaço de Deus
Um pedaço que eu tbm já fui
 sou berço ventre de uma semente
Semente pulsante com um coração de caixa de samba enrredo
tem dois corações dentro de mim a bater.
batem tanto pra ver se eu acordo.
O Amor
E alguém disse:
Fala-nos do Amor:

- Quando o amor vos fizer sinal, segui-o;
ainda que os seus caminhos sejam duros e difíceis.
E quando as suas asas vos envolverem, entregai-vos;
ainda que a espada escondida na sua plumagem
vos possa ferir.

E quando vos falar, acreditai nele;
apesar de a sua voz
poder quebrar os vossos sonhos
como o vento norte ao sacudir os jardins.

Porque assim como o vosso amor
vos engrandece, também deve crucificar-vos
E assim como se eleva à vossa altura
e acaricia os ramos mais frágeis
que tremem ao sol,
também penetrará até às raízes
sacudindo o seu apego à terra.

Como braçadas de trigo vos leva.
Malha-vos até ficardes nus.
Passa-vos pelo crivo
para vos livrar do joio.
Mói-vos até à brancura.
Amassa-vos até ficardes maleáveis.

Então entrega-vos ao seu fogo,
para poderdes ser
o pão sagrado no festim de Deus.

Tudo isto vos fará o amor,
para poderdes conhecer os segredos
do vosso coração,
e por este conhecimento vos tornardes
o coração da Vida.

Mas, se no vosso medo,
buscais apenas a paz do amor,
o prazer do amor,
então mais vale cobrir a nudez
e sair do campo do amor,
a caminho do mundo sem estações,
onde podereis rir,
mas nunca todos os vossos risos,
e chorar,
mas nunca todas as vossas lágrimas.

O amor só dá de si mesmo,
e só recebe de si mesmo.

O amor não possui
nem quer ser possuído.

Porque o amor basta ao amor.

E não penseis
que podeis guiar o curso do amor;
porque o amor, se vos escolher,
marcará ele o vosso curso.

O amor não tem outro desejo
senão consumar-se.

Mas se amarem e tiverem desejos,
deverão se estes:
Fundir-se e ser um regato corrente
a cantar a sua melodia à noite.

Conhecer a dor da excessiva ternura.
Ser ferido pela própria inteligência do amor,
e sangrar de bom grado e alegremente.

Acordar de manhã com o coração cheio
e agradecer outro dia de amor.

Descansar ao meio dia
e meditar no êxtase do amor.

Voltar a casa ao crepúsculo
e adormecer tendo no coração
uma prece pelo bem amado,
e na boca, um canto de louvor.

Khalil Gibran - o profeta

quarta-feira, 6 de junho de 2012

O selvagem guardião

Sou eu uma loba.
 De borboleta passei a sair do do comando
 virei coruja, a coruja me mostrou a baleia 
A baleia correu atrás do golfinho
O golfinho pulou bem alto e gritou
Elefante!